Resenha: O Livro Completo Sobre os Serial Killers (Tom Philbin e Michael Philbin)

Título Original: The Killer Book Of Serial Killers
Autores: Tom Philbin e Michael Philbin
Editora: Madras Editora
Páginas: 317
Gênero: Estudo de Casos
Classificação: 3/5


Sinopse: O Livro Completo sobre os Serial Killers é o mais elaborado material para qualquer fã de crimes ou estudante do mundo fascinante e chocante dos assassino em série. Nele você encontrará as histórias dos 35 assassinos mais famosos do mundo, incluindo uma abordagem profunda de seus crimes e das vidas que os transformaram em monstros. Por todo o livro estão espalhados testes, citações, fotos e fatos estranhos sobre os assassinos em série para examinar seu conhecimento e fazer você estremecer de prazer horripilante. Aprenda mais sobre estrelas sombrias como: Ted Bundy; Jeffrey Dahmer; Gary Ridgway - O Assassino de Green River; Dennis Rader; Jonh Wayne Gacy; Béla Kiss; Paul Bernardo e Karla Homolka; e David Berkowitz. Essas e muitas outras histórias chocantes e informações sobre serial kileers e seus atos depravados deixarão você acordado à noite!


Vivemos em uma fase em que todos devem ser os mais politicamente corretos possíveis, não por opção, mas por obrigação. Talvez seja visto de um modo bem estranho, mas tenho que admitir que sou uma pessoa fascinada por serial killers e ter publicações, web sites, séries, documentários e até livros sobre esse assunto é de se apreciar.

Não entrarei na questão que se apreciar algo tão brutal e cruel como assassinatos em série é estranho, mas tenho que deixar claro que algo nessas pessoas me fascina. Posso ser uma necrófaga ou simplesmente uma curiosa por psicologia.

 "Nós, serial killers, somos seus filhos, somos seus maridos, estamos em toda parte. E haverá mais de suas crianças mortas amanhã" Ted Bundy, pag. 09

O livro é divido em partes, sendo a segunda para os sociopatas norte-americanos. Cada capítulo é dedicado a um serial keller, começando com uma frase bem mórbida do assassino, deixando bem claro como será os textos nesse livro. É relatado um pouco sobre seus crimes mais macabros, seus métodos, seu julgamento e condenação, e também um pouco sobre suas infâncias, onde na maioria dos casos foi bem perturbadora.

Destaco nos serial killers estadunidenses Ted Bundy, que seguia uma padrão de vítimas: mulheres morenas com longos cabelos escuros. O que Bundy tinha de maligno ele tinha de bonito, algo que facilitava na hora de abordar suas vítimas. Ted confessou que se sentia como Deus quando via o último suspiro de vida das mulheres que ele matava. Outro assassino que me chamou a atenção foi Edmund Kemper que aos 15 anos de idade matou seus avôs só para saber qual era a sensação de tirar a vida de alguém.

A outra parte do livro destaca os sociopatas do mundo. O caso mais horrendo que me recordo é do casal canadense Karla Homolka e Paul Bernardo, este que teve a ideia de estuprar a irmã mais nova de sua namorada (Karla) e que ela a ajudasse. A garotinha acabou morrendo.

O Livro Completo Sobre os Serial Killers é bem resumido, dando apenas as informações que eles acharam necessárias. Por se tratar de um assunto tão terrível os autores os Philbin tomaram cuidado para essa obra não virar algo sensacionalista.

Mesmo com todo esse cuidado o livro tem um conteúdo bem pesado, aqui se encontra relatos de formas violentas de assassinatos, estupros, necrofilia, relações homossexuais, palavrões, canibalismo e sexo com partes de corpos.

Algumas coisas que não me agradaram nesse livro foram a revisão que em algumas partes deixou a desejar e a parte do “passatempo macabro” desnecessária. Mas em geral o livro fácil de ler, mesmo tendo um assunto tão obscuro e pesado como tema. Se tivesse umas 600 páginas sobre serial killers eu leria numa boa.

Recomendo esse livro para quem é fascinado por esse assunto, como eu, ou que queira descobrir o que pode se passar na cabeça dessas pessoas perversas. Mas digo que essa é uma obra para alguém com uma boa cabeça e que consiga absorver as informações que em muitas vezes são extremamente perturbadoras e revoltantes.



6 comentários:

  1. Que medo! Eu leio muito raramente sobre isso, mas sugiro que você leia A Sangue Frio do Truman Capote e A História Verdadeira do Michael Finkel, que aliás fiz resenha aqui:

    http://heartsugarcubes.blogspot.com.br/2013/01/livro-historia-verdadeira-michael-finkel.html

    as duas tratam bastante do lado psicológico da coisa. ;)

    :*

    ResponderExcluir
  2. Ai que legal, Carol! Confesso que o máximo que vejo sobre serial killers é Dexter! Hahaha, mas nem sabia que tinha esses livros assim. É meio macabro, mas também acho muito interessante saber o que se passa na cabeça deles!

    http://officialgabi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Curto muito as suas resenhas e fiquei com vontade de ler esse livro. Confesso que tenho uma certa obsessão por serial killers, filmes com eles estão na minha lista de preferidos e sempre tenho interesse em saber mais sobre os métodos, passado, e tudo que pode ajudar a construir um serial killer. Amo o jeito que você escreve, espero que o seu blog cresça bastante, beijos.

    http://p4raparadise.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. @Carolina. Carolina, oi! Eu anotei o nome dos livros que você indicou e estou bem ansiosa *-*

    ResponderExcluir
  5. @Gabi Gabi, eu ADORO coisas relacionadas a serial killers hahah

    ResponderExcluir
  6. @Raquel Carmim Oi, Raquel, você não sabe como o seu comentário me deixou feliz, de verdade <3

    ResponderExcluir

Já vai sem comentar?
Deixe sua opinião ou comentário aqui, ele é muito importante!